Estreias do cinema brasileiro – 2 de agosto

Nesta quinta (2 de agosto) três filmes entram em cartaz nas salas de cinema do país. Destaque para o longa que traz o duo AnaVitória como protagonistas. 

ana-e-vitoria

ANA E VITÓRIA

Direção: Matheus Souza
Gênero: Comédia musical
Sinopse: Rio de Janeiro. Ana (Ana Caetano) e Vitória (Vitória Falcão) já haviam até mesmo estudado juntas, mas apenas se aproximam de fato em uma festa realizada muito longe de sua cidade natal, a pequena Araguaína, no Tocantins. Após se apresentar na festa, Ana fica impressionanda com a informal cantoria de Vitória, em uma rodinha de violão. Logo surge a ideia de gravarem algo juntos, que rapidamente explode na internet e chama a atenção do produtor Felipe Simas (Bruce Gomlevsky). A fama repentina as traz de volta ao Rio de Janeiro, para um show transmitido pela internet e a produção de seu primeiro CD.

As partes musicais são impecáveis, leva o teatro ao cinema sem forçar uma aceitação do público. Vários temas são inseridos de forma muito natural, como: a importância da amizade, não desistir do seu sonho, variações de relacionamento, bissexualidade e outros. (blahcultural.com.br)

o-nome-da-morte

O NOME DA MORTE

Direção: Henrique Goldman
Gênero: Drama
Sinopse: Júlio Santana (Marco Pigossi) é um pai de família, um homem caridoso, um exemplo para sua família e um orgulho para os seus pais. No entanto, ele esconde outra identidade sob essa fachada: na verdade, ele é um assassino profissional responsável por 492 mortes. Entre a cruz e a espada, entre a lei e o crime, Júlio precisa descobrir uma forma de enfrentar os seus demônios.

Um grande momento é o primeiro assassinato do protagonista. A tensão no caminho, o inesperado, a incerteza sobre a hora certa de agir, o medo, a adrenalina, o tempo de ação, a reação, tudo é dirigido com primor, culminando na desesperada subida da ladeira que representa sua rápida ascensão. (AdoroCinema

querido-embaixador

QUERIDO EMBAIXADOR

Direção: Luiz Fernando Goulart
Gênero: Biografia/Drama
Sinopse: Luiz Martins de Souza Dantas (Norival Rizzo) era o embaixador do Brasil na Itália até 1922, quando é transferido para Paris. Cercado de belas moças, o homem vive num cotidiano de luxo em reuniões que incluíam pessoas da política e da cultura do país. Nesse contexto, começa a Segunda Guerra Mundial e o embaixador passa a viver numa realidade intensa com tomada de decisões que realmente podem colocar a vida de brasileiros em risco.

 

Fonte: AdoroCinema